Final de How I Met Your Mother: tudo o que podia ter corrido mal | Watch and Listen!

Final de How I Met Your Mother: tudo o que podia ter corrido mal



A sitcom norte-americana da CBS, "How I Met Your Mother", criada por Carter Bays e Craig Thomas chegou ao fim nove anos depois e tudo o que podia ter corrido mal, correu mal.

Em primeiro lugar, para quem ainda não viu o episódio não é recomendável ler este post.
Em segundo lugar, para quem fica ferida com opiniões contrárias às suas, também não é recomendável ver este post.

Com isto dito, vou passar para a parte que interessa.

Ninguém esperava este final o que desiludiu muitos fãs da série. O final teve alguns momentos bons e muitos momentos maus, mas primeiro vamos aos momentos bons:
  • Finalmente vimos o Ted e a mãe a conhecerem-se.
  • O Marshall tornou-se juiz.
  • A Robin tornou-se famosa como sempre quis.
  • O Barney teve um filho.
  • A situação do guarda-chuva amarelo foi explicada. 
  • Ficámos a conhecer o nome da mãe: Tracy McConell.
  • A relação do Ted e da Tracy e o facto de ele não ter apressado as coisas.
Agora os momentos maus:
  • O divórcio do Barney e da Robin.
  • Não termos visto a Lily a seguir o seu sonho.
  • Não sabermos o nome da mãe do filho do Barney.
  • A Robin ter viajado tanto que quase nunca estava com o grupo.
  • A mãe ter morrido.
  • O triângulo amoroso entre a Robin, o Barney e o Ted.
  • Não termos visto a Tracy e o Ted a casarem-se.
  • Nem termos visto a Tracy a morrer.
  • Não vimos mais imagens do Marshall e da Lily em Itália.
 Apesar das boas partes mencionadas, isso não ajudou a tornar o final melhor.

Depois de uma temporada à volta do casamento do Barney e da Robin (foram 22 episódios), no último eles divorciam-se e parece que andaram a enrolar tanto para nada. Porque é que acharam bem darem tanta relevância ao casamento deles para eles depois se separarem? Apenas não faz sentido.
Por um lado, uma coisa faz sentido: o facto de estarem sempre a tentar com que a Robin e o Ted acontecessem outra vez apesar de ela estar com o Barney e de ele ir conhecer a Tracy. Esta é a única explicação porque eles acabaram juntos. Mas não teria sido mais correto eles terem ficado logo juntos há algumas temporadas atrás e não no último episódio e depois de tanta coisa? Sinceramente, faria muito mais sentido se eles estivessem ficado juntos há muito tempo atrás, mas não agora depois de nos fazerem gostar do Barney e da Robin.


E onde fica a mãe nisto tudo?

 O nome da série é "How I Met Your Mother" (caso ainda não tenham reparado), e pelo que o nome indica a história é sobre como o Ted conheceu a mãe dos seus filhos a quem contou tudo e mais alguma coisa durante as temporadas todas, e parece que afinal a mãe não foi assim tão importante apesar dela e do Ted terem sido felizes durante alguns anos, mas esteve presente em poucos episódios e depois morreu (o que comprovou que as teorias eram verdade) e nem direito a um funeral ou a uma despedida teve o que parece tirar-lhe a relevância que devia ter tido. Se pensarmos bem, parece que a mãe serviu apenas para dar os filhos ao Ted que a Robin não podia ter e isso foi nada bom.
Isto tudo foge ao plot de toda a série.

Concluindo, a série merecia um final melhor e com mais coerência porque isto podia muito bem ter sido o primeiro episódio e não o último, e todas as personagens mereciam um final mais trabalhado.

E assim acabou uma série que durou nove anos.

0 comments:

Enviar um comentário