Quando as bandas tentam e corre mal | Watch and Listen!

Quando as bandas tentam e corre mal



Quando as bandas saem do seu cubículo pessoal e tentam lançar-se no mundo da música tanto pode correr bem como mal, e daí as boas bandas que têm vindo a aparecer no panorama musical português nos últimos tempos. No entanto... existem também as más bandas, que tentam mas que ainda estão muito verdes para dar frutos ou são realmente más.

Pior que tentarem é quando ganham concursos para actuar em determinado palco, injustamente. Como isto acontece? Simples. Em concursos que funcionam por "likes". A banda com mais "likes" ganha. Ou seja, basta a banda errada ter vários amigos que partilhem com amigos de amigos e já está ganho. Injusto? Muito. No entanto acontece. Enquanto muitas vezes existem bandas melhores que se põem de parte, por não terem conseguido adquirir tanta gente que colocasse o tal "like". Não é por "likes" que se mede talentos sérios, nunca será. Estes não determinam a qualidade da banda, que tanto quanto sabemos pode ser verdinha ou até mesmo não soar nada bem. Um caso disto são os Caffeinna, que ganharam o ano passado ao invés de muitas outras bandas que estavam no Top 10 para votações. E havia claramente melhores bandas, e o tempo só o comprovou.

Os Caffeinna são uma banda recente, que esteve no Rock In Rio o ano passado, por terem ganho o concurso do Palco Vodafone e lançaram o seu EP de estreia dia 22 de Fevereiro. O EP demonstra nada mais, nada menos que são uma banda muito verde. Prevê-se que estes dêem frutos no futuro, no entanto o futuro torna-se incerto após a escuta do EP "Scattered Singapore". Não que esteja mau, mas nota-se à distância que a banda ainda tem muitos aspectos a trabalhar e a melhorar. É EP típico de banda de garagem. Um pouco de rock alternativo aqui e ali, e algumas guitarras pesadas. O que dificulta a fácil escuta do EP é provavelmente a semelhança entre os temas. Tudo muito igual, e isto tem que ser rapidamente melhorado. No entanto, existe uma linha interessante no meio da música ainda verde que parece possível que se torne promissora que se for bem agarrada e trabalhada. Destaque para o single, "If It Comes To It" que é a faixa mais bem construída, e fica no ouvido. Ainda assim deixa muito a desejar. Receitam-se melhoras urgentemente.

0 comments:

Enviar um comentário