8 bandas que não deves perder no Indie Music Fest | Watch and Listen!

8 bandas que não deves perder no Indie Music Fest



O Indie Music Fest é um festival que é conhecido por ser uma celebração artística independente da música portuguesa.  O festival que já foi considerado o "melhor micro festival de Portugal", pelo Portugal Festival Awards, apoia na sua totalidade a música portuguesa. O seu cartaz é constituído somente por bandas portuguesas, e o festival apoia tanto novos talentos como também as bandas que já são bem conhecidas pelo público português. E o cartaz deste ano demonstra esse conceito muito bem, sendo que passa por novos talentos a bandas que já têm muitos anos de carreira. Exemplos disso são os Linda Martini, Os Capitães da Areia, os Old Yellow Jack, os Modernos entre muitos outros. O cartaz conta com 60 artistas espalhados por 6 palcos durante os 3 dias, mas eu como qualquer outro espectador, tenho as minhas preferências entre os 60 e como tal vou aqui apresentar as 8 bandas que eu não vou perder por nada e que vocês também não devem perder.


Old Yellow Jack

Os Old Yellow Jack são uma das bandas que mais quero ver no Indie Music Fest. Aliás, arrisco até a dizer que são mesmo a banda que mais quero ver durante os 3 dias de festival. Com apenas um EP lançado, a jovem banda já conquistou terreno e também tornaram-se numa das minhas bandas preferidas a nível nacional. Acredito que são uma banda que merece muita mais visibilidade, pois talento não lhes falta. Nem energia, o que irá ser um aspecto marcante do concerto no Indie Music Fest com certeza. Com álbum a caminho, o concerto não irá ser só constituído por músicas do EP, mas também por músicas que estarão presentes no primeiro álbum a ser lançado brevemente. Para quem não conhece, aconselho à audição do EP e caso tenham oportunidade a irem vê-los ao Bosque do Choupal. Garanto-vos que não se irão arrepender. Estes jovens sabem como proporcionar bons serões e estão cada vez melhores. Palavra de honra.


Modernos

Os Modernos já começam a tornar-se bem conhecidos e acarinhados pelo público português, talvez pela formação ser constituída por membros dos famosos Capitão Fausto. É um dos concertos mais esperados do festival de certeza, não só por mim como também pelos demais que frequentarão o Indie Music Fest. As malhas conquistadoras dos Modernos já não são indiferentes a ninguém e a tendência é alargar a legião de fãs que já segue o projeto. Para quem nunca viu ao vivo, ou simplesmente ainda não conhece o projeto, aconselho a ouvirem os dois EPs e a irem ver Tomás Wallenstein, Manuel Palha e Salvador Seabra caso estejam pelo Indie Music Fest. Será de certeza, um dos melhores concertos que vocês verão por lá.


Bispo

Outro dos demais projetos paralelos dos Capitão Fausto, os Bispo levam consigo na bagagem muitas piñas coladas e diversão. Francisco Ferreira, Domingos Coimbra e Manuel Palha formam os Bispo e ainda só têm dois singles lançados "Cancun" e "Timeless Neon". Em formato ao vivo, obviamente, tocam muitas mais canções que nos fazem ansiar pelo lançamento de um EP. Aconselho fortemente a verem o concerto que vos fará sem dúvida abanar as ancas e pedir por mais.


Thunder & Co.

A electrónica dos Thunder & Co. já passou por emblemáticos festivais portugueses, tais como o Talkfest e o Super Bock Super Rock e em Setembro será a vez do Indie Music Fest. Outra banda recente mas já com um lugar seguro no mercado, os Thunder & Co. prometem transformar o Indie Music Fest numa pista emocional de dança. Vontade de dançar e uma mão cheia de vontade de te divertires são essenciais para aproveitares um concerto desta dupla na totalidade.



Keep Razors Sharp

O projeto é recente, mas experiência não falta aos músicos que o compõe. A banda é formada por Afonso (Sean Riley & The Slowriders), Rai (The Poppers), Bráulio (ex-Capitão Fantasma) e Bibi (Pernas de Alicate). O psicadelismo dos Keep Razors Sharp irá provocar certamente fortes emoções e muita exaltação no Bosque do Choupal. Espera-se um grande concerto vindo destes quatro senhores, e confio que irão ao encontro das minhas altas expectativas. Mais um concerto a não perder, para quem vai ao festival.


Cave Story

Os Cave Story são uma banda recente do panorama da música nacional, mas a sua sonoridade garantiu-lhes já uma marca própria. Novos no assunto, mas já pisaram importantes palcos como a Galeria Zé dos Bois, o Musicbox e estiveram também na edição deste ano do Nos Alive. Com apenas um EP editado, esta banda vai ao Indie Music Fest apresentá-lo. Um concerto que promete conferir níveis altos de adrenalina e que irá facilmente conquistar o público que não conhece os Cave Story.


Linda Martini

Os Linda Martini são uma das bandas que mais quero ver nesta edição, pelo simples facto de serem um dos meus nomes preferidos da música portuguesa. O culto prestado à volta dos Linda Martini é enorme e compreensível. Apesar dos anos que a banda já soma, os Linda Martini continuam a angariar fãs e prevê-se que continuarão assim por muito tempo. No Indie Music Fest iremos ver mais um típico concerto da banda, em que será possível uma passagem por toda a discografia dos Linda Martini e que terá direito a muito mosh e crowdsurfing, com certeza. Será enérgico como sempre, e aconselho vivamente porque nunca é demais ver os Linda Martini.


Os Capitães da Areia

Os Capitães da Areia já não são novos nisto. São daquelas bandas que por mais tempo que passe, o público português vai sempre demonstrar grande admiração por eles. Os Capitães da Areia contam como é de esperar com uma vasta legião de fãs e já têm grandes êxitos na bagagem, os quais vão ser possíveis de se ouvir no Indie Music Fest. Levam também o novo álbum, "A Viagem dos Capitães da Areia a Bordo do Apolo 70", o qual irá ser apresentado neste concerto. Temos a certeza que será o concerto mais "espacial" do festival.




O Indie Music Fest irá ter lugar em Baltar, no Bosque do Choupal nos dias 3,4 e 5 de Setembro. Os passes gerais e bilhetes individuais já se encontram à venda nos locais habituais, custando respectivamente, 25 e 15 euros. 

Texto: Alexzandra Souza

0 comments:

Enviar um comentário