O Sol da Caparica: a música voltou à Costa | Watch and Listen!

O Sol da Caparica: a música voltou à Costa


 Nos passados dias 13 e 14 de Agosto fomos até à Costa da Caparica para o festival O Sol da Caparica. Com um cartaz bastante diverso e que incluía vários importantes nomes do panorama da música portuguesa. No entanto, optámos dar destaque a quatro concertos que foram os que mais gostámos e os que achamos que merecem um pequeno destaque no nosso top de preferências. Ficam abaixo os nossos quatro mais.

Linda Martini


Os Linda Martini já tinham um lugar guardado neste nosso top, desde que anunciados no festival. Sem dúvida são das melhores bandas atuais portuguesas e há que ter em conta os concertos fantásticos que dão. Cada vez melhores ao vivo, a cada dia que passa, os Linda Martini já têm uma legião de fãs que os seguem e isso notou-se bem naquela noite em que atuaram no Sol da Caparica. Já existiam fãs que estavam ansiosamente agarrados às grades, muito antes da banda subir ao palco. Podiam-se ver fãs identificados pelas t-shirts da banda por todo o lado, e mal a banda entrou em palco os gritos de aclamação só comprovaram o notório: os Linda Martini não carecem de apoio nem nada parecido. A quantidade de fãs que sabia as letras deixou isso bastante claro. Desde o início do concerto até ao seu fim, os Linda Martini despejaram no público uma carga de energia elétrica que como eles o sabem fazer. "Ratos", "Cem Metros Sereia" e "Amor Combate" foram os temas mais aclamados e que não faltaram à festa que foi bonita. Sem dúvida, um dos melhores concertos que já vimos naquele local.

Paus


Os Paus eram uma das bandas mais aguardadas deste dia, a par dos Linda Martini claro, e percebe-se bem o porquê. A banda já é bastante experiente no que faz e ao vivo demonstram ainda mais qualidades do que em estúdio. Sons pujantes e que pedem ao corpo que dance, os Paus cativaram desde o início e chamaram a atenção para todos os distraídos. Só não foram a atuação da noite, porque Linda Martini é Linda Martini. Dificilmente alguém os ultrapassa. No entanto, é de realçar o concerto destes senhores que foram fantásticos. "Deixa-me Ser" e "Muito Mias Gente" não faltaram à setlist que foi muito satisfatória e deu para matar as saudades dos fantásticos concertos dos Paus.

The Legendary Tigerman


O lendário homem tigre deu outro dos nossos concertos preferidos deste festival português. A aderência foi total, pelo que ninguém conseguiu ficar indiferente à energia que Paulo Furtado emana. O palco estava cheio e fãs não faltavam. Houve até quem soubesse suficientes letras para acabar o concerto rouco. Não duvidamos que tenham havido casos. Muito rock n' roll e mosh, foi assim que o concerto decorreu. E de melhor maneira não podia ter decorrido.

Carlão


O Carlão foi uma surpresa agradável. Um concerto que do início ao fim meteu todos a dançar e a cantar, para quem sabia as letras. Desde canções mais conhecidas, como o single "Os Tais", até a canções mais desconhecidas, o público esteve sempre imparável e o recinto estava apinhado para ver o ex Da Weasel. Acábamos por gostar do concerto, mais do que estávamos à espera, e seria um crime não colocar este senhor neste top.


O Sol da Caparica 2015


Texto: Alexzandra Souza
Fotografias: Iris Cabaça

0 comments:

Enviar um comentário