Crystal Fighters no Paradise Garage: a partilha da alegria | Watch and Listen!

Crystal Fighters no Paradise Garage: a partilha da alegria


Os Crystal Fighters regressaram a Portugal e desta vez foi para dois concertos a solo no Paradise Garage, em Lisboa. No dia 1 de dezembro foi a primeira parte de uma das duas festas dos nossos amigos numa das suas casas. Esta foi a quarta presença de Sebastian, Gilbert, Graham, Ellie e Nila no nosso país, que têm vindo a festivais desde 2013, e agora foi a solo com duas datas esgotadas para apresentarem o terceiro álbum, "Everything is my Family". A primeira parte ficou a cargo de Kid Simius.

O Kid Simius vem do norte de Espanha e abriu para os Crystal Fighters. Era provavelmente desconhecido para todas as pessoas presentes mas conseguiu meter os pés, as pernas e as ancas a mexerem com a sua eletrónica e levantou os ânimos para o que se seguia.

O novo disco mostra um lado mais eletrónico com refrões pop. Enquanto que no primeiro álbum, "Star of Love", seguiram o caminho da folk eletrónica, no segundo disco, "Cave Rave", foram pelo lado de uma folk mais alegre que fez as pessoas dançar tanto ou mais como no primeiro. Em "Everything is my Family", conseguem fazer a junção ideal de folk e eletrónica presentes nos álbuns anteriores num só. Ao vivo, as músicas dos três trabalhos da banda originam uma partilha de alegria absolutamente única durante cerca de 1h30min. Agora já não é uma rave, é uma família.

Da setlist fizeram parte músicas de "Everything is my family", o que seria de se esperar, e alguns dos seus maiores êxitos, tais como, "Follow", "LA Calling", "I Love London", e "At Home" que meteram o público a cantar as letras de uma ponta à outra com a maior garra possível e foi realmente bonito de se ver e ouvir. Porém, não foi apenas dos temas de maior sucesso da banda que se fez o concerto. Pois, o público, surpreendentemente, conhecia todas as novas músicas, até as que não são singles, e tornou-se quase o coro da banda em temas como "Yellow Sun"e "All Night".

Uma das coisas que se sente quando se vê um concerto do grupo de Londres é pura alegria e outra é o amor que eles todos em palco conseguem transmitir para fora dele e para quem interessa: o público. Nota-se realmente que a banda quer espalhar amor por onde passa, e não é apenas nas letras das suas músicas, é também nos seus concertos que o consegue fazer. Ainda mais, vê-se que todos os membros gostam de fazer música, tocar ao vivo e aproveitar a vida que é exatamente o sentimento partilhado quando se assiste a um concerto deles. Ao longo do espetáculo, a energia positiva foi espalhada desde a primeira fila até à última e ninguém ficou indiferente a esta felicidade vivida. Ao mesmo tempo, o Sebastian e o Graham foram dizendo algumas palavras que contribuíram para tal efeito, mas também se falou de situações tristes. Falaram sobre a morte do seu baterista Andrea Marongiu, que faleceu em 2014, e incentivaram as pessoas a celebrarem a vida. Apesar disso, o ritmo não abrandou, e conseguiram meter as pessoas a abraçarem-se umas às outras e a agarrarem as mãos numa espécie de cerimónia espiritual. Os concertos dos Crystal Fighters são minutos de pura felicidade que deixam toda a gente super feliz, e foi impossível não se ter saído dali com um sorriso na cara.

Às vezes duvidamos de algumas bandas e artistas estarem sempre a falar bem do nosso país e público, mas no caso dos Crystal Fighters parece ser mesmo verdade porque a partilha de emoções que existe entre os fãs portugueses e a banda não se consegue fingir. Tanto a banda como o público respondem um ao outro de uma maneira afetiva e calorosa que é muito natural para ambos, e a multidão também responde muito bem às músicas. Isto é algo que começa a acontecer com várias bandas cá, mas com esta parece ser ainda mais especial. Talvez seja por estarem a ficar cada vez maiores em Portugal. A sala até chegou a ser pequena para tanto carinho sentido.

Os espetáculos dos Crystal Fighters são imperdíveis e únicos. Depois de duas noites e dois concertos alegres, só podemos esperar que a banda volte cá novamente o que é provável de acontecer num festival.

Crystal Fighters + Kid Simius @ Paradise Garage

Fotos e texto: Iris Cabaça

0 comments:

Enviar um comentário