Tesouros revividos: “Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band” dos The Beatles | Watch and Listen!

Tesouros revividos: “Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band” dos The Beatles


Em tom de flashback, esta rubrica traz-te todas as semanas um álbum, série ou filme que consideramos que merece ser recordado. Esta semana dedico este espaço a uma das minhas bandas preferidas, os incríveis The Beatles, com o álbum “Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band”. 

Quem é que não gosta dos The Beatles ou deixa de os ver, ou mencionar, como essenciais na história mundial da música?

John Lennon, Paul McCartney, George Harrison e Ringo Starr foram os quatro jovens que deram vida a uma das maiores bandas de sempre, nascida nos anos 60. Foram apenas dez anos de atividade, mas esses bastaram para que a banda marcasse gerações a fio. Continuam, até hoje, a ser únicos e a conquistar corações. Os The Beatles vão ser a banda que, até ao infinito e mais além, irão conquistar multidões. Um dia os nossos netos estarão a ouvir todos estes álbuns que nós ouvimos, ou que os nossos bisavós, e anteriores a eles, ouviam. Ultimamente, tenho andado parada à volta de um dos que elejo como melhores álbuns da obra da histórica banda e um dos meus álbuns preferidos de sempre.

“Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band” é o álbum que tenho revisitado todos os dias, nestes últimos três meses. Faz 50 anos este ano e haverá uma reedição que irá conter, a pedido de muitas famílias, as famosas "Penny Lane" e "Strawberry Fields Forever". É considerado, por muitos, um marco importante na história da música sendo um dos melhores álbuns de sempre. O mundo de Sgt. Pepper é de facto um mundo incrível em que os quatro The Beatles puderam ser levados, sem limites, até onde a criatividade lhes permitisse. Não tendo a obrigação de obedecer a nenhum género em particular, os músicos somente se interessaram em perceber o que lhes soava ou não bem. E abracadabra. Foi criado o sublime mundo deste sargento. Foi, também, um momento revolucionário na vida da banda, mais propriamente no seu processo criativo. É claramente um álbum conceitual que resultou na perfeição, e resulta até aos dias de hoje e continuará a resultar nos próximos 100 anos. Daí ser um dos melhores da história da música. Não há um bom ouvido que passe sem este. Os The Beatles estão destinados a perdurar até aos finais dos tempos, acreditem.

Fiquem com o incomparável, singular e fantástico, “Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band”. Para ouvir em repeat.


Texto: Alexzandra Souza

0 comments:

Enviar um comentário