"Suicide Squad: The Album" é a banda sonora que dá vida ao filme | Watch and Listen!

"Suicide Squad: The Album" é a banda sonora que dá vida ao filme


O filme "Suicide Squad" da DC, realizado por David Ayer, estreou em agosto do ano passado. Após a sua estreia, recebeu várias críticas tanto positivas como negativas. Porém, "Suicide Squad: The Album", que tem o selo da Atlantic Records e da Warner Bros Records, merece as críticas positivas e resulta bem no filme.

A história de "Suicide Squad" é sobre alguns dos criminosos mais perigosos do mundo, numa equipa formada por Amanda Walker (Viola Davis) apelidada de Task Force X, que estão na Belle Reve Prison e são soltos para salvarem o mundo. Além de Viola Davis, o elenco conta com Margot Robbie (Harley Quinn), Will Smith (Deadshot), Jay Hernandez (El Diablo), Joel Kinnaman (Rick Flag), Cara Delevingne (June Moone/Enchantress), entre outros.

Em primeiro lugar, a banda sonora tem vários géneros musicais desde o dubstep, passando pelo hip-hop e chegar até ao pop-rock. Com isto, também está carregada de músicos mundialmente conhecidos, tais como, Rick Ross, Skrillex, Imagine Dragons, Twenty One Pilots, Panic! At The Disco e Dan Auerbach.O que a torna ainda mais variada e rica.


Em segundo lugar, há muitas músicas que ajudam a criar o ambiente obscuro do filme. "Gangsta" de Kehlani foi inspirada na relação entre Harley Quinn e o Joker, o que se percebe na cena em que aparece, pois, fica mesmo certa com a situação. "Heathens" dos Twenty One Pilots e "Sucker For Pain" dos Imagine Dragons feat. Lil Wayne, Wiz Khalifa, Ty Dolla $ign, Logic & X Ambassadors são dois casos de músicas que ganharam sucesso fora do filme e tornaram-se hits para estes artistas. Já a música de Eminem, "Without Me", e a dos Queen, "Bohemian Rhapsody", existiam antes do filme e aparecem em duas das cenas mais importantes. No álbum, há uma cover do tema dos Queen feita por Brendon Urie de Panic! At The Disco.


Por fim, a seleção destas músicas ajudam a dar vida a algumas cenas do filme e as que estão apenas no disco contribuem para a vibe ao longo do plot. Por exemplo, "Medieval Warfare" de Grimes não faz parte de nenhuma cena, mas fica bem com a história. O mesmo acontece com "Standing In The Rain" de Mark Ronson e Dan Auerbach. Algo que torna a banda sonora brilhante.


Quer se goste ou não de "Suicide Squad", há que se dar o devido crédito às músicas e artistas que fazem parte de "Suicide Squad: The Album" porque foi tudo bem conseguido.


Texto: Iris Cabaça

0 comments:

Enviar um comentário