Tesouros revividos: "Blackout" de Britney Spears | Watch and Listen!

Tesouros revividos: "Blackout" de Britney Spears


O quinto álbum de Britney Spears, "Blackout", saiu a 25 de outubro de 2007. Sendo assim, comemorou 10 anos este ano. Um disco que causou alguma polémica e surgiu após a pior fase na vida da cantora. Contudo, conseguiu consagrar-se como um dos trabalhos mais importantes da cantora e na música Pop.

O primeiro single retirado do disco foi "Gimme More", que começa com a frase clássica "It's Britney, bitch". Desde esse momento, que a frase ficou para durar e nunca mais ninguém se esqueceu. Além disso, o tema também ficou marcado pela sua sensualidade e pelo tom diferente na voz de Spears. Quanto ao segundo single, "Piece of Me" serviu como uma resposta aos media obcecados pela vida dela que a seguiam por todo o lado. A música saiu na altura certa, e foi um dos maiores suck it haters na história da música até agora. A letra e o vídeo retratam tudo isso super bem. Já a terceira canção retirada do longa-duração, "Break The Ice" mostra diversidade, pois, tem uma sonoridade mais eletrónica. 

"Blackout" chegou após uma das piores partes na vida de Britney Spears, e quando saiu podia não parecer assim tão bom, mas na realidade é um dos melhores LPs dela. A razão para isso é por ser arriscado, tanto nas letras como nas sonoridades em cada música. Ao mesmo tempo, foi um ice breaker da adolescente da Pop para a adulta da Pop. O álbum anterior, "In The Zone", é um intermédio, só que o seguinte atingiu esse estatuto de quebrar a sua imagem de jovem.

Após 10 anos, "Blackout" ainda continua a ser um trabalho bem sucedido para Britney Spears e para o mundo da música Pop.

0 comments:

Enviar um comentário