Super Bock em Stock de regresso à Avenida da Liberdade | Watch and Listen!

Super Bock em Stock de regresso à Avenida da Liberdade


O Vodafone Mexefest volta a chamar-se Super Bock em Stock. Desde 2008, o festival tem vindo a mostrar novos nomes da música nacional e internacional em várias salas espalhadas pela Avenida da Liberdade. De 23 a 24 de novembro, a música emergente terá lugar de destaque.

Johnny Marr, Elvis Perkins, Charles Watson, The Harpoonist and the Axe Murderer e Conan Osiris são as primeiras confirmações do Super Bock em Stock.

Johnny Marr estreou-se com o seu disco a solo apelidado The Messenger (2013). No mesmo ano, passou pelo Super Bock Super Rock. Agora, já conta com mais dois álbuns, Playland (2014) e Call The Comet (2018), com os quais irá presentear o público no festival. Além de ter feito parte dos icónicos The Smiths, também se juntou aos The Electronic, The The (que irão ao Super Bock Super Rock este mês), Modest Mouse e The Cribs.


Elvis Perkins começou a aprender saxofone quando era criança. Ash Wednesday foi o seu primeiro álbum de originais, lançado em 2006. Em 2015, lançou o seu último LP I Aubade.


O londrino Charles Watson fez parte da banda The Surfing Magazines e do duo Slow Club. Ultimamente, tem vindo a revelar o compositor e produtor que é. O seu primeiro longa duração, Now That I'm A River, foi editado este ano.


Os The Harpoonist and the Axe Murderer são Shawn Hall e Matthew Rogers. Conheceram-se em 2006, em 2008 fizeram o primeiro disco. Depois vieram mais dois LPs, Checkered Past (2012) e A Real Fine Mess (2014). O mais recente chama-se Apocalipstick e saiu no ano passado.


Quanto ao português Conan Osiris, dispensa apresentações para quem está presta atenção à música nacional. Em poucos meses, conseguiu percorrer o país e chegar a grandes festivais como o Vodafone Paredes de Coura e agora o Super Bock em Stock.


As salas que irão fazer parte do circuito de concertos são as seguintes: Cinema São Jorge (Sala Manoel de Oliveira e Sala Montepio), Capitólio (Cine-Teatro, Bastidores e Terraço), Teatro Tivoli BBVA, Palácio Foz, Rádio SBSR na Estação Ferroviária do Rosso | IP, Garagem EPAL, Sociedade de Geografia de Lisboa, Coliseu dos Recreios e Casa do Alentejo.  



O bilhete único válido para os dois dias do festival encontra-se à venda nos locais habituais a partir de hoje pelo preço de 40€ até 31 de agosto. A partir de 1 de setembro passa a custar 45€ e 50€ nos dias do festival.

0 comments:

Enviar um comentário